domingo, 07 de março de 2021

NOTÍCIAS

Data: Sábado, 23 de janeiro de 2021     Fonte: G1 MT

MT recebe 24 mil doses da vacina AstraZeneca contra Covid-19 neste domingo e começa segunda fase da campanha

Na segunda-feira (18), Mato Grosso recebeu 126.160 doses da Coronavac do Ministério da Saúde, na primeira fase da campanha.
Reprodução

Mato Grosso deve receber neste domingo (24) mais 24 mil doses da vacina contra Covid-19, do Ministério da Saúde, na segunda fase da campanha. A vacina  de Oxford foi liberada neste sábado (23) pela Fiocruz.

A informação consta no documento do Plano Nacional de Imunização, do Ministério da Saúde, que pauta a distribuição das vacinas em todo o país.

Depois da chegada no Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, a carga de vacinas será escoltada por agentes da Polícia Federal até o Centro de Distribuição do governo do estado.

Quando a vacina chegar no Centro de Distribuição será feita a separação do medicamento para o envio aos municípios.

Todo o processo irá obedecer o grupo prioritário estipulado pelo Ministério da Saúde. Além disso, a secretaria também deverá analisar a quantidade de vacinas pelo número de pessoas desse grupo, já que o total enviado nesse momento para o estado não é suficiente para atender toda a demanda.

Plano Estadual

O governo de Mato Grosso fez um Plano Estadual de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 em Mato Grosso e prevê, caso necessário, o apoio de seis aeronaves do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

Com o objetivo de promover a adequada logística da vacina, com segurança, efetividade e equidade, a SES vai ampliar a Rede de Frio Estadual e já viabiliza uma Central Estadual e mais quatro Centrais Regionais (Barra do Garças, Cáceres, Rondonópolis e Sinop), assim como a aquisição de equipamentos de refrigeração e frota adequada para distribuição terrestre. O investimento estimado é de R$ 2,2 milhões.

A escolta dos materiais até os 14 polos de distribuição será feita pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), além das Polícias Federal e Rodoviária Federal e o Ministério da Defesa. Nos casos em que for necessário, o Ciopaer disponibilizará sua frota aérea para dar celeridade à distribuição.