Portal JNMT
Portal JNMT
NOTICIAS

Homem é assassinado a tiros ao chegar em casa em Juína

Uma dupla usando uma motocicleta aguardava a vítima, assim que ela se aproximou da moradia a atacaram

Data: Segunda-feira, 09/01/2017 00:00
Fonte: Cleber Batista JNMT
Foto: Reprodução

Orestino Paula da Rocha,52, foi assassinado a tiros nesta segunda-feira (09) na Avenida Severo Gomes, antiga Ulisses Guimarães na esquina com a Rua São Mateus do Sul no bairro módulo 05 em Juína, o crime aconteceu às 12h30min.

 

Assim que chegava na sua residência o homem conhecido por “Lorão” percebeu a presença de duas pessoas em uma motocicleta Bros indo em sua direção, a vítima que pilotava uma motocicleta Honda Twister foi surpreendida pela dupla.

 

Orestino foi alvejado por um tiro no peito, ele tentou fugir correndo por uns 30 metros mas segundo uma fonte ouvida pelo site JNMT um homem de cor clara de 1,70 de altura com corte de cabelo semelhante ao corte militar disparou várias vezes não dando trégua para a vítima que ainda gritou antes cair ao solo. 

 

As Polícias Militar e Civil estiveram no local do crime e registraram a ocorrência.

 

Segundo o tenente Antoniett da PM, a vítima teve pelo menos uma janela de seu caminhão danificado durante a madrugada, ainda não existem informações concretas sobre a motivação do crime.

 

De acordo com o que o site JNMT apurou, na noite anterior teria ocorrido uma festa na residência da vítima e pelo menos umas 8 pessoas teriam participado. 

 

Um amigo de Orestino que trabalha no mesmo ponto de frete onde ele também fazia ponto disse que ele era boa pessoa, nunca revelou que tinha sofrido algum tipo de ameaça, porém havia informado na manhã do dia do crime que durante à noite alguém teria quebrado a janela de vidro do caminhão.

 

O caso foi registrado como o terceiro homícidio em Juína, o primeiro do ano teve como vítima Alexandre Luiz Alves, 42, que foi morto a tiros por um empresário dentro de um escritório e o segundo foi o ex-presidiário  Laercio Castilho de Souza, 29 também morto a tiros, ele chegou a ser internado mas acabou falecendo.

 

A Polícia Civil já começou a investigar a morte de “Lorão”.

PUBLICIDADE