Portal JNMT
Portal JNMT
NOTICIAS

#Em sessão de 34 horas, vereadores cassam mandato de Luciane

Data: Sábado, 07/07/2018 21:08
Fonte:
Foto: Reprodução

A Câmara de Vereadores de Juara cassou na madrugada deste sábado (7) o mandato da prefeita Luciane Bezerra (PSB) em razão de supostas fraudes em licitação do munícipio.

 

A sessão que resultou na cassação do mandato começou às 14 horas de quinta-feira (5) e terminou por volta de 00h30 deste sábado.

 

Esta foi a sessão mais longa da história da Casa, principalmente em razão do pedido feito pela defesa da prefeita para que fossem lidas as mais de 7 mil páginas do processo.

 

Ao final, os vereadores deram posse ao vice-prefeito do município, Carlos Sirena (PSDB), que já ocupou o cargo interinamente neste ano.

 

Luciane foi afastada do cargo em fevereiro, por decisão do magistrado Alexandre Sócrates Mendes, da 2ª Vara da Comarca de Juara. A decisão à época também atingiu o secretário de Administração, Antônio Batista da Mota.

 

De acordo com a ação do Ministério Público Estadual (MPE), o grupo teria montado um esquema para fraudar a licitação da reforma da Escola Pública Francisco Sampaio, no distrito de Paranorte.

 

Além de direcionamento, o MPE afirma que a empresa vencedora do certame foi constituída em nome de terceiro “laranja” e que a obra começou antes mesmo do procedimento interno de licitação.

 

Há também constatação de superfaturamento, já que o Ministério Público havia disponibilizado todos os materiais necessários para a reforma por meio de Termo de Ajustamento de Conduta.

 

Em maio, o MPE ingressou com uma nova ação por improbidade administrativa contra a prefeita.

 

Na ocasião, foram apontadas fraudes giram em torno da contratação da prestação dos serviços de coleta de resíduos sólidos e de limpeza urbana.

 

Outro Lado

 

A reportagem não conseguiu contato com a prefeita Luciane Bezerra.

 

CAMILA RIBEIRO 
DA REDAÇÃO

PUBLICIDADE